Os Cafetões da Prosperidade! Que belo Título!



Por indicação de um amigo Blogueiro encontrei este vídeo do Pr. Donnie Swaggart.

Fazia um bom tempo que não encontrara Pregadores e Pastores pregarem com tanta propriedade sobre esse assunto. Afinal pregar ou ensinar contra a maioria é pregar ou ensinar contra Deus, visto que a voz do povo é a voz de Deus, ou devo dizer, a voz do 'pastor pregador' é a voz de Deus! argrrr...! eu já estou me confundindo todo...!

Tenho me envergonhado de ouvir tanta bobagem de "homens de deus" (mensionar deus com 'd' minúsculo é proposital) que, de púpito falam em nome de Deus. É tão difícil ou todos precisam entender de metodologias de interpretação de texto para compreender o que Salomão nos ensina sobre a riqueza em Pv 30.8,9

afasta de mim a falsidade e a mentira; não me dês nem a pobreza nem a riqueza; dá-me o pão que me for necessário; para não suceder que, estando eu farto, te negue e diga: Quem é o SENHOR? Ou que, empobrecido, venha a furtar e profane o nome de Deus. (não cito outros textos para não ser enfadonho).

Se não nos posicionarmos contra o "evangelho da Bolsa de Valores", em breve estaremos tendo diante de nós e nos canais televisivos "Pregões" em 'horário nobre' ou porque não dizer 'horário maligno', onde vários pastores ou "corretores pastores e pregadores" estarão vendendo suas bugingangas, depois de pregarem suas pérfidas "mensagens da Prosperidade". Até quando suportaremos tais homens que por um lado até defendem os cristãos com suas apologias eloquentes mas, por outro lado tomam o dinheiro dos santos e incautos na fé.

A cada dia tenho me envergonhado deste "evangelho barato" ou devo dizer "caro", que tem caído sobre muitos crentes e muitas igrejas de forma quase que usurpadora, arrebatando completamente a mente de pessoas que se entregam totalmente à avareza e a luxúria.

Eu tenho me envergonhado deste "evangelho" que só reconhece a fé do homem se ela tiver o tamanho dos quinhentos ou dos mil reais. É...! Contudo, quando me sinto envergonhado deste "evangelho" o Espírito Santo me faz lembrar daquele "Evangelho da fé do tamanho de um grão de mostarda" Sim...! daquele Evangelho baseado na fé no nome de JESUS e não na conta bancária, no número de crentes de uma igreja, no tamanho do templo ou número de diplomas do pastor com especializações ou doutorado em "Unção de Vitória Finaceira, Unção de Crescimento Financeiro, Unção da Riqueza, Unção da Prosperidade, blá..., blá..., blá...

Eu condecoro homens como o Pr. Donnie, Paul Whacher, David Wikerson e outros que não se detem e não se escondem atrás das paredes do medo e da covardia, mas pregam a Palavra de Deus em sua essência e integridade.

Que Deus tenha misericórdia de nós e nos dê mais companheiros pregadores com ousadia para pormos à prova os que dizem ser mas não o são.

Lembremo-nos de 2 Cr 1.13 "Porque os tais são falsos apóstolos, obreiros fraudulentos, transformando-se em apóstolos de Cristo".

ex toto corde

Um comentário:

Claudio Silva disse...

Pura verdade irmão, assumi de vez que não mais me calarei ao ver os mercadores da fé extorquindo ovelhas. A irmãos que torcem a cara ao saberem o que penso destes.
Que o Deus tenha misericórdia de todos nós.

Obrigado por seus textos que são muito edificantes.
Abraço